Finanças pessoais x Economia global

Escrito por: - Publicado em: 07/02/2012

Ser uma das maiores economias do mundo significa que há muito dinheiro em circulação pelo país. Ou seja, as pessoas estão comprando e vendendo mais do que na maioria dos outros países.

O que isso significa na prática para as pessoas comuns? É difícil fazer uma correlação direta entre a economia global e economia doméstica mas se analisarmos um pouco mais a fundo veremos que as duas estão intimamente relacionadas.

 

A economia global, depende das pessoas e das empresas para funcionar. Se as pessoas estão comprando, as empresas precisam produzir e contratar pessoas. Assim, o dinheiro fica em circulação e dizem que a economia está aquecida. Por isso as datas comemorativas são tão importantes para a economia. No Natal ou no Dia das Mães, as empresas têm de produzir mais, para vender para os comerciantes que por sua vez devem vender aos consumidores finais. Isso mantem o dinheiro em movimento, fazendo com que não haja grandes problemas na economia, como um todo.

 

Quando a economia anda bem, ocorre um endividamento, pois as pessoas compram ou se vêem forçadas a consumir e acabam adquirindo dívidas. É nesse momento que as finanças pessoais têm impacto direto na economia global. Se muitas pessoas se endividarem a ponto de não conseguirem arcar com suas dívidas, os bancos podem não receber o dinheiro que precisam para financiar os empresários. E se os empresários não conseguem financiamentos em bancos eles não conseguem produzir e são obrigados a demitir, gerando mais endividamento e criando um círculo perigoso. Quando isto acontece o país pode entrar numa recessão, que é quando a população começa parar de comprar pois não tem como pagar o dinheiro para de circular.

 

Uma das pontas importantes para que a recessão não ocorra é o equilíbrio nas contas pessoais. Se as famílias estiverem suficientemente educadas financeiramente e com suas finanças devidamente registradas e ainda com investimentos sólidos, há uma maior chance de que a economia da sua comunidade, cidade, país e, por fim, global, estejam sempre num ritmo que não prejudique a maioria da população.

 

Portanto, se educar financeiramente é fundamental para manter a prosperidade individual assim como a de toda a civilização humana.

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

5 formas de ganhar dinheiro em 2022
Por Central do Evento
Consumo responsável: o que considerar
Por Central do Evento
4 dicas para tirar as metas financeiras do papel em 2022
Por Equipe Organizze
O que é e como fazer uma faxina financeira no início do ano?
Por Equipe Organizze
Sinta a felicidade de estar no controle de suas finanças

Cadastre-se grátis, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Organizze

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).