Dinheiro: amor e ódio

Escrito por: - Publicado em: 05/10/2011

O relacionamento com o dinheiro é geralmente baseado em amor e ódio. Uns amam demais o dinheiro que se esquecem do resto enquanto outros odeiam tanto o dinheiro que não querem nem pensar nele. Nenhuma das duas alternativas é a melhor. Assim como todos os relacionamentos em nossas vidas, este precisa ser equilibrado para que seja saudável e proveitoso.

O dinheiro é necessário, mas não devemos amá-lo desesperadamente.

 

O amor excessivo pelo dinheiro pode prejudicar o relacionamento com as pessoas próximas e resultar em stress e problemas de saúde.

 

O ódio pelo dinheiro pode fazer com que percamos o controle financeiro e acabamos caindo em dívidas. Existe uma frase que uso bastante que é: “Se não cuidarmos do nosso dinheiro, haverá alguém que irá cuidar”.

 

Muitas das causas de problemas em família são originados da falta de conhecimento em finanças pessoais e relacionamentos doentios com o dinheiro. As pessoas que não sabem lidar adequadamente com o dinheiro acabam se tornando escravas dele.

 

Devemos sempre estabelecer um limite para não sermos dominados pelo dinheiro nem pelas emoções que o cercam. E, para isso, a educação financeira e a ajuda profissional são as melhores saídas quando não sabemos como nos livrar deste problema.

 

O importante é saber que o dinheiro não é o ponto fundamental para a felicidade, e sim, um complemento para a ela. Busque sempre o equilíbrio emocional e sua vida será próspera e com o dinheiro que você realmente necessita para ser feliz.

Categorias:

Achamos que você vai gostar desses posts, também.

Consumo responsável: o que considerar
Por Central do Evento
O que é e como fazer uma faxina financeira no início do ano?
Por Equipe Organizze
Black Friday: como economizar com compras para casa?
Por Viva Decora
Dicas de planejamento financeiro para viajar
Por Meu Patrimônio
Sinta a felicidade de estar no controle de suas finanças

Cadastre-se grátis, e veja sua vida financeira mudar a partir de hoje.

Organizze

Faça como mais de 50 mil organizzados! Receba GRÁTIS em seu email centenas de artigos e dicas para manter suas finanças em ordem (e a newsletter mais legal do Brasil!!).